“Isolava-me de tudo e de todos”

A timidez e os complexos de inferioridade impediam Eliezer de concretizar os seus sonhos e de levar adiante os seus objetivos

“Antes de chegar à Igreja Universal, eu era um jovem cheio de sonhos e projetos, porém, não os conseguia alcançar, pois era muito tímido e não conseguia falar com quem não conhecesse. Também tinha complexos de inferioridade e isolava-me de tudo e de todos. Para além disso, era doente, sofria com ataques epilépticos e estava desempregado.

No entanto, através dos conselhos de fé inteligente que recebi na Universal e ao obedecer a tudo o que me foi ensinado, hoje posso dizer que alcancei aquilo que me parecia impossível. Agora, sou uma pessoa alegre e comunicativa.

Hoje, trabalho numa área em que lido com várias pessoas novas diariamente, tenho saúde, sou realizado na minha vida sentimental e tenho o mais importante, a verdadeira paz!”

Respostas alcançadas. “No ano de 2017 alcancei duas grandes respostas na minha vida: fui promovido pela segunda vez na empresa onde trabalho e recebi a minha certidão de cidadão português, tanto eu como a minha esposa. Isto é algo muito importante e que me permitirá alcançar os meus objetivos de crescimento no plano de carreira na empresa onde trabalho e que também me possibilitará dar início à realização de um sonho de ter o meu próprio negócio.”

Eliezer Rangel, Universal Matosinhos

Fonte: Folha de Portugal