Mensagem

Já se passaram 3 semanas…

Acção x Reclamação

Agora é o momento de usar a minha fé de maneira diferente!
Quando os momentos difíceis surgem nos nossos caminhos respondemos: “Deus, eu confio em Ti e creio que me ensinarás muitas coisas através desta situação” ou temos tendência a dizer: “Estou perdido e não há nada que alguém possa fazer”?

A passagem bíblica que se segue é uma das mais importantes para o amadurecimento da Fé em Cristo. Vejamos – um certo dia, Cristo, querendo ensinar um lição importantíssima sobre a fé aos Seus Discípulos, disse-lhes: “Passemos para o outro lado do mar” (Marcos 4.35) – eles deveriam ter tomado esta afirmação como um sinal de que a sua viagem seria segura. Mas, quando uma inesperada e violenta tempestade ameaçou afundar o barco e os seus tripulantes, eles entraram em pânico. Os assustados Discípulos fizeram uma duvidosa e horrível pergunta ao Senhor Jesus: “Mestre, não te importa que pereçamos?” (Marcos 4.38).

Quantas vezes não fizemos perguntas semelhantes: “O Senhor não se importa com o que me está a acontecer?” ou “O Senhor não me ama o suficiente para fazer alguma coisa em relação a esta situação?”.

O Senhor Jesus repreendeu o vento e imediatamente se fez uma grande bonança no mar. Então, Ele voltou-se para os Seus Discípulos e perguntou: “Por que sois tão tímidos? Ainda não tendes fé?” (Marcos 4.40).

Deus tem dado, a cada um de nós, um tamanho de fé (Rm 12.3), tamanho este suficiente para podermos superar os nossos temores. O medo sempre é acompanhado de dificuldades, fraquezas e problemas. Na realidade, o grau da nossa fé é o que faz certas coisas tornarem-se adversidades, ao invés de serem apenas mais uma experiência. Medo é o que nos faz projectar o pior cenário possível – que nunca poderemos nos recuperar; que está tudo perdido ou que nunca mais poderemos desfrutar de coisas boas na vida.

A Fé conta-nos o oposto de tudo isso. A Fé diz-nos, em voz clara e audível, no nosso interior, que Deus está no controlo da situação e que tudo acontecerá para o nosso bem e bem-estar dos que nos rodeiam (Rm 8.28). A Fé Viva diz que recuperaremos e que o nosso último estado será muito melhor do que todas as experiências já vividas até agora (Jó 8.7).

Permita que as adversidades chamem a sua Fé à acção, ao invés da reclamação. Tenho aprendido nestes 23 anos que as adversidades revelam-nos em que áreas precisamos que a nossa fé actue e não o “nosso” medo. Um segredo para si – de todas as vezes que surjam adversidades ou momentos delicados, diga para si mesmo: “Agora é o momento de usar a minha fé de maneira diferente!”. Como disse o meu mentor BM: “Quanto mais usamos a fé, mais ela crescerá!”.

Por seu servo em Cristo,
Bispo Júlio Freitas
bispojulio.com

Responder a Antonio Carlos Cancelar resposta

Ou preencha o formulário abaixo.

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Sem comentários

PBA Responder 21 Janeiro, 2011 às 16:59

Se te mostrares fraco no dia da angústia, é que a tua força é pequena.

Temos que ser forte é nos momentos dificeis, assim como temos que comer no momento da fome, beber no momento da sede.
Se estamos enfrentando uma luta e não conseguimos vence-la só, então é inteligente buscar em Deus que tudo pode fazer.
Um abraço.

Fatima Moas Responder 21 Janeiro, 2011 às 20:32

A adversidade desperta em nós capacidades que, em circunstâncias favoráveis, teriam ficado adormecidas.

Adversidade é um tipo de fisioterapia para a nossa fé , se ela está abalada ,se fortalecererá ,nos tirando do comodismo do marasmo ,que tende a prejudicar a fé.
Em fim .. Quando vem as lutas é Deus nos impulsionando a usarmos a nossa fé ,que quanto mais usada fortalecida será.

Joel Responder 21 Janeiro, 2011 às 21:22

Há três coisas que não voltam; a palha atirada ao vento, a flecha lançada e a palavra dita.

O auto controle é fundamental nas decisões que tomamos, pois a pessoa que o tem é valorizada e é confiável, pois quase nunca volta atrás nas coisas que fez, se arrepende pouco.

Quinteiro Responder 21 Janeiro, 2011 às 21:23

Realmente é o que tem acontecido com muitas pessoas na hora da tempestade ficam reclamando em vez de agarrarem a opurtunidade de usar a fé e mudarem a historia da sua vida pois é isso que Deus espera de nós que tomemos atitudes que demonstrem que realmente nos cremos na sua palavra, pois como disse Jesus no mundo passareis por aflições,ou seja as tempestades sempre vão surguir mas depende de nós acalmala, Deus ja nos deu poder parra isso, esse poder é a Fé.

Ana Quinteiro Responder 21 Janeiro, 2011 às 21:24

Deus permite as adversidades, para que através delas nós venhamos a conquistar coisas maiores e acima de tudo que o seu Nome seja Glorificado através da manisfestação do seu poder, e também para que com elas venhamos a crescer na fé, as lutas são oportunidades, só quem está na fé, consegue ver além do problema…

julio cesar Responder 21 Janeiro, 2011 às 21:42

O PROPRIO DEUS JA DEIXOU CLARO DIGA O FRACO EU SOU FORTE!

E QUANDO É QUE ESTAMOS FRACOS, OU NOS SENTIMOS FRACOS?

São quando as lutas surjem os momentos difíceis aparecem!

MAS CABE A CADA UM DE NÓS BUSCARMOS FORÇAS ATRAVÉS DA FÉ E A ENTREGA TOTAL.

Maximo Responder 21 Janeiro, 2011 às 23:53

Todos nós que já entregamos a nossa vida ao Senhos Jesus ou outros ainda vam entregar-se, entao temos que ter em nossa mente que vamos passar por várias adversidades. Muitas das vezes, quando passamos por lutas, como já é habitual nas nossas vidas, em vez de sermos fortes e resistirmos a tudo com o uso da nossa fé, ficamos mais medrosos do que quando estávamos a viver por uma fé religiosa e emotiva.
Uma vez que aceitamos estar com Jesus no barco dele, entao estamos seguros, porque ele está conosco, pode vir as maiores ondas e tempestades de problemas contra nós.Parece que ele nao está conosco,porque nao o vemos a mover-se contra a aquele problema,mas eu digo-lhe que ele vai-se mover, quando eu e voce nos movermos em primeiro lugar com o uso da nossa fé.

Ulices Vidal Responder 21 Janeiro, 2011 às 23:54

Ser valente não significa ausência de medo, mas sim a coragem para enfrentá-lo. Os vencedores são feitos nos momentos difíceis, é nesses momentos que provamos a nossa fé e confiança em Deus. Quem olha para trás dúvida, mas quem olha para a frente alcançará a sua vitória.
Cumprimentos

Alexandre Nascimento Responder 22 Janeiro, 2011 às 10:16

Bispo , muito oportuna esta visao .
As pessoas tem que deixar-se vencer ou vai recorrer a Deus para encontrar o caminho da vitória? Ana, mãe de Samuel, talvez tenha se sentido uma perdedora a vida inteira até ficar grávida de Samuel. A conquista está em sair do senso de derrota, ser confortado pelo Espìrito de Deus e descobrir os planos para você através daquilo. Durante a dor de uma derrota eu posso concentrar no tamanho da derrota ou concentrar no tamanho de Deus para livrar-me e trazer-me vitoria.

Diogo brant Responder 22 Janeiro, 2011 às 10:57

Quem mandou os discipulos atravessarem para o outro lado?jesus? Aparentemente Ele colocou os discipulos em apuros , e assim é que se sente muita gente, em apuros depois que aceitou seguir jesus, mas ninguém chega a sua meta se não depositar a sua confiança em Deus e isso só é possivel quando se depara com tempestades e o mesmo que mandou-os ir tirou-os de lá…

Igor Santos Responder 22 Janeiro, 2011 às 12:47

“O Senhor não me ama o suficiente para fazer alguma coisa em relação a esta situação?”.
Quantas vezes falamos ou pensamos isso, mas sou eu que tenho que tomar atitudes porque Deus já fez o que tinha que fazer por mim e ainda tem feito até o dia hoje.

MANUEL Responder 22 Janeiro, 2011 às 13:21

A FÉ NOS FAZ TER A VISAO AMPLA DAQUILO QUE PODEMOS ALCANÇAR
DEVOMOS APROVEITAR AS DIFICULDADES E AI TRABALHAR NOSSA FÉ
NAO PODEMOS CULPAR A DEUS QUANDO SOMOS NOS QUE SOMOS RESPONSAVEIS POR NOSSAS DECISOES
DEUS SEMPRE ESPERA POR NOSSA REAÇAO DIANTE DAS ADVERSIDADES.

Cláudia Brandão Responder 22 Janeiro, 2011 às 14:01

Como já diz a palavra de Deus “A fé sem obras é morta” Não são poucas as vezes em que muitos critãos ao se depararem com situações difíceis, esquecem-se de usar a fé que tem, e temem o pior. Ma é no exercício da mesma que ela é aperfeiçoada, consolidada. Por isso não devemos temer as lutas, elas sempre aparecerão em nosso caminho, e seremos provados; aprovados ou não, dependendo indubitavelmente do uso da fé de cada um.

Antonio Carlos Responder 22 Janeiro, 2011 às 16:36

“A fé viva diz que recuperaremos e que o nosso último estado será muito melhor do que todas as experiências já vividas até agora”. (BJF)
Fico com esta palavra , pois, como já ouvi em algum lugar alguém dizer : Hoje é o primeiro dia do restante de sua vida. Ou seja,a nossa vida começa todos os dias ao amanhecer, dando-nos, então, uma nova oportunidade de exercitarmos a nossa fé , a nossa autoridade, e vencermos tudo, e sermos felizes. Não há adversidade que possa prevalecer ante ao verdadeiro exercício da fé.

Adriana. Responder 22 Janeiro, 2011 às 17:26

DEUS,PERMITE QUE PASSEMOS DIFICULDADES,PARA QUE POSSAMOS EXERCITAR A NOSSA FÉ,POIS É NESSA HORA QUE NÓS MESMO PASSAMOS A NOS CONHECER E DEPENDENDO DA MANEIRA QUE VIERMOS A AGIR DIANTE DAS DIFICULDADES E QUE SEREMOS ABENÇOADOS OU NÃO.

António Francisco Responder 22 Janeiro, 2011 às 21:10

Falar que, eu creio em DEUS é muito fácil. Eu não mostro que creio em DEUS quando tudo esta bem, e sim nos momentos mais difíceis da. Você que esta a ler este comentário, qual foi o momento que você mostrou que você crê em DEUS?

Por isso DEUS me deu a fé para usar nestes momentos, e quantos ao passar por estes momentos deixaram a fé, e saíram da presença de DEUS pensado que DEUS os avia abandonado. Se você está a passar um momento difícil, use o GRÃO DE MOSTARDA (fé) e você dará a volta por cima.

Armando Responder 22 Janeiro, 2011 às 21:10

Ta ligado Sr Bispo, e eu digo: AGORA É O MOMENTO DE USAR A MINHA FÉ DE MANEIRA DIFERENTE E TODA E QUALQUER ADVERSIDADE SERÁ VENCIDA.
Bispo obrigado pela mensagem

marcelo-C BRANCO Responder 22 Janeiro, 2011 às 21:57

O MEDO É UM DOS INIMIGOS DA FÉ ,POR CAUSA DELE MUITOS TEM PERDIDO MUITAS OPORTUNIDADES,É POR ISSO QUE SÓ OS DA FÉ QUE VENCEM TUDO ,POIS NÃO ANDAM PELO SENTIMENTO, MAS SIM PELA FÉ VIVA NO DEUS VIVO, UM ABRAÇO BISPO.

Antonio Sebastião - TAVIRA Responder 22 Janeiro, 2011 às 22:26

Buscar a Deus! Creio que o melhor é tê-lo constantemente em nossa vida e em todos os momentos. Assim teremos a certeza que mesmo que as circunstâncias difíceis surjam, sempre teremos uma luz no fundo do túnel para nos levantar.

cristovão perpetua Responder 22 Janeiro, 2011 às 22:30

Não ter medo,não ser tímidos,usar sempre a fé e confiar em Deus nós momentos mais díficeis

Soraia Oliveira Responder 22 Janeiro, 2011 às 23:10

Pois é Bispo muitos pençam que mermurando, em oração, mas reclamando com Deus que resolvem as suas advercidades. Mas a fé é uma certesa, eu não tenho de mermurar o porque que aconteceu, ou , porque a mim, ou não é justo. NAO Eu tenho de determinar a situação resolvida e agir a minha fé em conformidade com isso.

A fé tem sim de ser usada, constantemente e como um grão de mostarda ela se tornará uma arvore das maiores do mundo, forte.
Se em vez da fé usar-mos o mermuro a nossa semente vai secar, porque tudo nos vai parecer dificil ou impossivel.

Obrigada por tudo
na fé

paulo marques Responder 22 Janeiro, 2011 às 23:25

Sim, é atraves da fé, que vencemos as adversidades, que nos aparecem dia apos dia.
Um abraço

paulo marques Responder 23 Janeiro, 2011 às 0:02

É ATRAVES DA FÉ, QUE VENCEMOS AS ADVERSIDADES QUE NOS APARECEM DIA APOS DIA.
UM ABRAÇO

Jorge Silva - Porto Responder 23 Janeiro, 2011 às 0:02

Inclusive Bispo a garantia que a viagem deles seria segura era a palavra que o sr Jesus havia dito e sobretudo a presença do próprio Cristo com eles,mas ao invés disso os discípulos “olharam” para a situação que estavam a enfrentar por isso tiveram medo.Não devemos “olhar” para a situação,mas crer na palavra do sr Jesus e sobretudo na presença DELE conosco.

dieguez Responder 23 Janeiro, 2011 às 6:52

Reclamação é uma demonstração de descontentamento
Ação é uma forma de usar métodos imediatos para produzir mudanças desejáveis.

Rosana Responder 23 Janeiro, 2011 às 12:03

Pois é, são nestes momentos que Deus quer que nos de-mos uma oportunidade para Ele. Ele não quer manifestar- se quando o ” mar está calmo” e sim quando está atribulado, a prova disso foi quando Jesus estava a atravessar e fez- se a tempestade ele não ficou inseguro e sim seguro, e acalamou. Ao invés de olhar -mos para ficarmos com medo das tempestades devemos enfrentá- las e permanecer confiantes, Pois quem conhece verdadeiramente o Senhor, saberá que Ele acalmará, tudo no Seu tempo.

Luis Meca Responder 23 Janeiro, 2011 às 13:15

Medo, adversidades, problemas todos têm, mas todos também têm fé, porque razão uns se lamentam da sua sorte, e outros buscam a solução dos seus problemas, porque determinam dentro de si, que algo vai ter que acontecer.
Basta lembrar, o que está escrito…”em todo o trabalho há proveito, meras palavras, porém, levam à penúria.”
Muitos falam de fé, mas outros usam-na e vencem!!!!!!

Katia Lima- Braga Responder 23 Janeiro, 2011 às 13:55

A fé é a arma poderosa que Deus nos deu e muitos hoje em dia, dizem ter fé em Deus e que não precisam estar na igreja para falar com Ele, já que Ele ouve de qualquer lugar que o invocarmos , sim , Ele realmente ouve , mas diz a palavra de Deus que a fé vem pela pregação da palavra de Cristo , e onde ela pregada senão na igreja pelos servos Dele , muitos estão sendo enganados e por isso não conseguem vencer.

Fabiana volpin Responder 23 Janeiro, 2011 às 15:48

Bispo Julio sabemos que toda acao tem a reacao, cabe cada um de nos escolher qual sera a reacao, se sera a de murmurar quando vier a tempestade ou se e de enfrenta-la com coragem, pois se Deus e por nos quem sera contra nos, Lutas, perseguicoes, dificuldades serviram para aquele que crer sem duvidar como um degrau para alcancar a vitoria…….

Roberto Brandão - Setúbal Responder 23 Janeiro, 2011 às 20:04

Sem lutas, o que venceremos? Como alguém pode se considerar vencedor, se não houve nada para lutar e prevalescer? Nunca vi a fé ser despertada e ativada quando as coisas estão fáceis. Quando as coisas são favoráveis, muitas vezes nos esquecemos até de usarmos a fé. Mas ela existe, e foi nos dada por Deus justamente para estes momentos. Com ela e por ela vencemos o que sem ela seria sempre impossível de vencer. E FAÇO UM DESAFIO: SE VOCÊ AMIGO INTERNAUTA, PASSA UM MOMENTO DIFÍCIL, ESTÁ DESESPERADO, NÃO SABE O QUE FAZER, PROCURE UM CENTRO DE AJUDA ESPIRITUAL, ALI SUA FÉ SERÁ DESPERTADA E SUA VIDA VAI MUDAR!!

Anacleto Fonseca Responder 23 Janeiro, 2011 às 23:17

É verdade bispo quando mais usamos a fé mais ela crescerá. E o medo é tão terrível que atrae tudo que é ruim.se a pessoa não der o basta nesta sensação maligna através da fé sofre. Tenho aqui na igreja uma senhora com a sua perna partida, uma vez o seu ex-marido a ameaçou a morte, ia entrando em casa com uma arma branca, ouvindo ela que o ex. vinha, teve medo e atirou-se do 3º andar para baixo.E aconteceu o que aconteceu.Em Novembro estando ainda prostrada na cama fizemos-a um convite para o nosso Centro de Ajuda Espiritual. Foi liberta do medo, já enfrentou o ex-marido sem medo porque a perseguia, não podia dirigir o seu carro hoje faz. já faz parte do grupo de evangelização. Portanto, ela venceu seus medos. por isso a pessoa que estiver na mesma situação, semelhante ou ainda pior deve procurar ajuda no CAdE. Cumprimentos.

pedro rebelo Responder 24 Janeiro, 2011 às 17:09

VIVER PELA FÉ É NÃO SE DEIXAR INFLUENCIAR PELAS CIRCUNSTANCIAS E PROBLEMAS SE JESUS MANDOU PASSAR PRA OUTRA MARGEM É PORQUE ELE SABIA QUE IRIAM LÁ CHEGAR MAS EXISTEM OBSTACULOS E PROBLEMAS QUE SÓ O USO DA FÉ NOS GARANTE A VITÓRIA POR ISSO MEU AMIGO(A)SE ESTIVER PASSANDO POR PROBLEMAS FAÇA USO DESSA FORÇA INTERIOR QUE POSSUI PARA VENCER TODOS OS SEUS MEDOS TRAUMAS COMPLEXOS E SEJA MAIS QUE VENCEDOR EM CRISTO JESUS!PROCURE UM CENTRO
DE AJUDA ESPIRITUAL E ASSIM APRENDA A FAZER USO DESSA FÉ!

amilton Responder 24 Janeiro, 2011 às 22:36

acima de todos buscar a deus,a todos momentos. isto nos garante a certeza de vencer e ficar sempre de pe

sergio vieira Responder 25 Janeiro, 2011 às 12:43

È muito dificil aceitarmos que, as lutas fazem parte para o nosso crescimento espiriual, quer dizer; fazer-nos adultos, maduros etc… e sermos verdadeiramente homens(mulheres) de fé, porque as lutas doem e muito, agora! é importante que ela(pessoa) tenha esta consciência, sem a qual, a pessoa não se torna madura como já havia falado, me refiro em particular ao cristão(seguidor de Cristo). E para Aqueles que não são cristãos, que não fazem parte do Corpo de Cristo, ela deve entender que só nesta condição de luta, até mesmo de sofrimento em que a pessoa possa estar a enfrentar, que Deus mais quer falar com ela, Cristo chama a pessoa debaixo do sofrimento “VINDE A MIM TODOS OS QUE ESTAIS CANSADOS E SOBRECARREGADOS, QUE EU VO ALIVIAREI”, é nesse estado em regra geral, que todos chegam até Deus. FINALIZO DIZENDO: é muito mais fácil(comodo), o ser humano no momento das lutas, reclamar, murmurar em fim…, do que se manter firme e reverter a situação

Paula - S. J. EStoril Responder 25 Janeiro, 2011 às 18:35

O Medo produz tormento, mas a fé traz a solução… Muito forte a mensagem!! Só me faz refletir que eu não devo me intimidar com os problemas, mas desafiá-los com a fé e mostrar a grandeza de Deus. E digo mais, se vc quiser ver DEUS, enfrente as suas dificuldades.

H.Oliveira - Lugano Suiça Responder 26 Janeiro, 2011 às 9:26

O modo de Jesus agir foi sempre como Pai, Mestre e Professor o exemplo disso é esta mensagem que o bispo Júlio refere de (Marcos 4;35) o qual Jesus diz “ Passemos para a outra margem”… os discípulos deviam tomar tais palavras como segurança e confiança que a travessia iria correr muito bem mas no momento em que se levantou um grande temporal eles falaram para Jesus ”… Mestre, não te importa que pereçamos?” Eles até chamaram de Mestre a Jesus mas não agiram com essa confiança que Jesus era o mestre. Pois qual quer mestre, pai, professor antes de colocar a prova o seu discípulo, filho ou aluno o ensina e foi o que Jesus fez inicialmente Jesus os ensinou sobre a fé e como exercer a autoridade como fala em (Marcos 3:15) “… e a exercer a autoridade…”
Mas na hora da prova eles não colocaram em prática essa fé e essa autoridade.
O maravilhoso de tudo isto é que Jesus continua vivo e poderoso e continua sendo nosso mestre, pai e professor por isso ele permite certas situações acontecer para podermos por em prática esta fé e autoridade que Ele nos ensinou e nos deu para poder-mos ver as suas maravilhas nas nossas vidas mas muitas vezes essa fé e autoridade é esquecida então as dúvidas e os medos entram em ação.
Como comenta o bispo que quanto mais usar-mos e aplicar-mos a fé ela crescerá e é isso que devemos e temos que fazer para já mais temer-mos nos momentos de adversidade

Hállan Responder 30 Janeiro, 2011 às 19:52

Reclamar, é algo que sempre acompanhou a humanidade, já nos tempos antigos, 1Sm 31, vemos que os homenes de Ziclaque jogaram a culpa da cidade estar destruida e seu moradores escravisados em cima de Davi. Mas este se reanimou no Senhor e perseguiu seus inimigos.
Moral da história: Enquanto uns reclamavam, seus inimigos COMIAM, BEBIAM E FAZIAM FESTA.
Acção muda sua história para o positivo enquanto reclamar para o negativo.